Ekaterimburgo, A Cidade Que Divide Europa e Asia na Rússia

Translate here!

Texto e Fotos: MONICA MORAS

 

Ekaterimburgo é a 4º maior cidade da Russia, ficando atrás apenas de Moscou, São Petersburgo eNovosibirsk. O que atrai na cidade é que ela é dividida entre Europa e Ásia e uma ótima parada da Transiberiana

ekaterimburgo russia transiberiana

A primeira impressão não poderia ser melhor! Percebemos uma cidade grande, bem organizada e com pessoas muito mais dispostas a ajudar, mesmo sem falar inglês. Diferente de tudo que tínhamos vivido em Moscou e São Petesburgo.

Como a cidade é bem organizada e ela já está se preparando para a Copa do Mundo de 2018, visitar ela sem guia turístico é bem simples. No Centro de Informações turísticas ganhamos um mapa (em russo) com o trajeto de uma linha vermelha que já havíamos visto no chão em alguns lugares. Na Rússia é comum pintar o chão com sinalização e muitas vezes até propaganda, já que é cultural o pessoal andar olhando para baixo, sem contato visual com outras pessoas.

Começamos dali mesmo a seguir as linhas e parar nos pontos indicados. A maioria do viajantes que param em Ekaterimburgo pela Transiberiana passam apenas uma noite na cidade (veja aqui o item 3 de hospedagem) apenas para descansar do longo trecho que acabaram de completar ou ainda escolhem chegar cedo na cidade, fazer o roteiro e pegar o trem do final de tarde.

ekaterimburgo russia transiberiana

Vimos a igreja do Sangue Derramado que foi construída em homenagem aos Romanov e onde estava acontecendo um casamento, do qual participamos por acaso do ritual que acontece depois da cerimônia. Passamos pelo rio que tem importância estratégica para cidade, Museu de Fine Art, Teatro de Opera e Ballet que fica na Praça de1905, a Igreja do Sangue construída em 2003, a Escola de Música, a belíssima Casa dos Sevastianov, diversas escultura de ferro, por alguns outros marcos não tão conhecidos, mas que eram bonitos de ver mesmo assim.

O principal interesse que tínhamos em Ekaterimburgo a princípio era visitar o marco entre a Europa e Asia, mas somado a chuva constante, descobrimos que o lugar só era acessível de taxi, longe 20km da cidade e nem no hostel ou no centro de informações turísticas as pessoas sabiam dar alguma informação consistente. O que sabíamos é que o taxi sairia caro (ida+volta) e que o lugar é apenas um marco com algumas bandeirinhas de boa sorte deixadas por noivos. Não fomos!

Valeu a pena passar 3 dias na cidade e só ficamos para ver a final da Copa do Mundo de 2014.

ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana
ekaterimburgo russia transiberiana

 

Já conhece nosso Facebook?

 

VEJA MAIS