As 10 Mil Primeiras Fotos

Translate here!

Texto e Fotos: Eduardo Viero

“Your first 10.000 photographs are your worst.” Henri Cartier-Bresson

Essa é uma das frases mais famosas que muitos fotógrafos já ouviram falar. Em tradução livre diz que "As suas primeiras 10.000 fotografias são as piores". É quase a mesma teoria que Malcolm Gladwell disse que você precisa de 10 mil horas de prática em algo para ter o conhecimento daquilo que está se fazendo. Assim com em tudo na vida, a fotografia não é diferente, devemos praticar muito para melhorá-la, e com a prática diária, com certeza evoluímos em muito.

Quando Henri Cartier-Bresson disse que suas 10 mil primeiras fotos serão as piores ele tem toda a razão, e não adianta sair por aí apenas fazendo fotos por fazer. Não é apenas clicar e sim fazer a foto. Hoje na era digital é fácil, mas naquela época, ele falava de fotos de filme. Ou seja, são 10 mil fotos de filme.

Eu como fotógrafo concordo plenamente com a importância da prática e de pensar antes de clicar. Desde de que comecei a fotografar com filme, percebi como eu não dava muita importância para algumas coisas que eu fotografava, apenas fazia porque achava legal e nunca mais nem olhava para aquela foto para ver o que eu poderia melhorar nela.

A questão foi que aprendi muito quando pensei que as minhas 10 mil primeiras fotos deveriam ser de filme. Tenho a maior apreço por todas as fotos que fiz de filme, mesmo as que não ficaram boas, pois sei que tentei fazer ela como se fosse a melhor. Convenhamos que uma coisa é fato, não é porque você fez 10 mil fotos que você atingiu um patamar e de agora em diante tudo fica mais fácil e suas fotos são fantásticas. Nós como fotógrafos devemos ser humildes e sempre estar dispostos a aprender e jamais achar que sabemos tudo e que somos os melhores. A fotografia, assim como os fotógrafos, é uma evolução que nunca terminará.

Já conhece nosso Facebook?

VEJA MAIS