O que Fazer em Pádua em 1 Dia, na Itália

Texto e Fotos: Eduardo Viero

Pádua, ou Padova em italiano, é uma cidade que fica entre Vicenza, onde moramos e Veneza, no norte da Itália. É um cidade relativamente grande e turística, pois serve também de base para quem quer visitar Veneza sem gastar muito com hospedagem. Sua arquitetura é muito bonita, assim como outras cidades italianas da região. Também muito conhecida  pela Basílica de Santo Antonio, e claro entre outras atrações.

Eu e meus irmãos passamos um dia em Padua, o que foi suficiente para nós. Isso porque temos um ritmo de viagem rápido e já sabíamos onde ir. É muito importante quando estamos viajando saber o que queremos visitar e ver, senão perdemos tempo caminhando à toa e acabando não vendo muitas coisas. Se perder até é bom, mas nem sempre a gente tem tempo de voltar. 

fazer padua 1 dia italia

COMO CHEGAR EM PADUA

Padova, ou Padua, é ponto de parada da maioria dos trens que vão para Veneza, portanto é fácil de chegar a partir de Veneza, Bolonha, Verona e Vicenza, onde estávamos. Confira no site da Trenitalia os trens que fazer o trajeto. Dica: pesquise os trens Regionali, que são bem mais baratos. 

Como nós fomos: De Vicenza pegamos um trem que custou 4,25 euros e levou menos de 20min. Padova, como eu disse, fica perto de Veneza e o preço a partir de Venezia Santa Lucia também é 4,25 euros.

Acho que a melhor forma de chegar à Padova seja de trem. Da estação até o centro onde está a Basílica de Santo Antonio levamos uns 30min a pé. Mas tem um Tram que vai até lá. Quase todas as atrações estão ali na volta da Basílica. Como passamos apenas uma tarde, o que para nós foi suficiente, focamos nos pontos mais importantes da cidade.

 

O QUE FAZER EM PADOVA EM 1 DIA

1. Torre dell`Orologio

Torre dell`Orologio, que fica na Piazza dei Signori. A torre foi a primeira coisa que fomos.

A torre do relógio é um dos símbolos da era Carrarese em Pádua. Com o seu mecanismo, ofereceu um ponto de referência ao cotidiano da cidade e não apenas no século XIV. A imponente torre foi criada entre 1426 e 1430 nas ruínas do portão oriental do Palácio Real de Carrara, o relógio só foi instalado em 1436 e a inauguração foi em 1437 durante as celebrações de Santo Antonio.

 Já em 1532, Giovanni Maria Falconettofu encomendou a construção de uma fachada monumental do relógio, em pedra de Istria, atualizada para a nova cultura renascentista.

2. Basilica de Santo Antonio

Depois seguimos para a Basilica de Santo Antônio, linda por fora e mais ainda por dentro. A entrada é gratuita e é uma visita obrigatória, mas não é permitido fotografar lá dentro, então não tenho foto dentro dela. 

A Basílica de Santo Antonio é a igreja mais importante e conhecida da cidade de Pádua. A construção começou imediatamente após a morte do Santo, em 13 de junho de 1231, e foi concluída no início do século seguinte. Ela é conhecida por sua complexidade arquitetônica: em diferentes estilos vivem juntos em harmonia, como romanês, gótico e barroco. Do lado de fora, tem oito cúpulas que podem ser vistas de longe no centro da cidade e campanhas de estilo oriental.

Dentro da Basílica é possível ver: a Tumba de Santo Antonio, o Altar Maior, a Capela das Relíquias e a Capela do Santíssimo Sacramento. Infelizmente é proibido fotografar. 

3. Prato Della Valle

De lá seguimos para o Prato Della Valle, que é uma espécie de praça cercada por estátuas na volta. Muito linda e é caminho para Basilica de Santa Giustina, que também é parada obrigatória, mas devo confessar que não é tão impressionante e bonita quanto a Basílica de Santo Antônio.

Prato della Valle é uma das maiores praças da Europa, com cerca de 90.000 metros quadrados. As 78 estátuas que rodeia a Ilha de Memmia celebram pessoas famosas nascidas ou moradas em Pádua, muitas das quais ainda são famosas hoje, como o lendário fundador da cidade, Antenore, o poeta Torquato Tasso ou o cientista Galileu Galilei. No entorno estão edifícios imponentes, palácios nobres e a Basílica de Santa Giustina. 

4. Orto Botânico

Ao lado do Prato della Valle tem o Orto Botânico, o Jardim Botânico de Pádua. Eu preferi não entrar, porque o tempo estava ruim e tinha que pagar. Não seria bem aproveitando, afinal já tinha pesquisado antes que em dias de sol o lugar é lindo.  

O Orto Botanico, foi o primeiro jardim botânico do mundo e foi criado em Pádua em 1545. Ainda preserva sua forma original, com uma parte redonda , que simboliza o mundo, cercada por um anel de água. Continua a servir o seu propósito original como centro de pesquisa científica.

Basicamente foi isso que fizemos. Sei que existem mais coisas para ver em Pádua, mas achei que esse tempo que passamos foi o suficiente para eu ter uma ideia da cidade. Percebi que é bem movimentada e turística, bastante jovens pela cidade, diferente de Vicenza.

 

UM POUCO DE HISTORIA DE PADUA

Pádua é uma cidade da região do Veneto, no norte da Itália. Fica pertinho de Veneza e é bem fácil de chegar a partir de qualquer parte do norte e centro da Itália de trem. Pádua é sede da Universidade de Pádua, fundada em 1222, onde Galileu Galilei foi palestrante.

A cidade é pitoresca, com várias ruas de arcadas e muitas pontes cruzando os vários ramos da Bacchiglione, que uma vez cercaram as antigas muralhas como um fosso. Pádua é o cenário para a maior parte da peça The Taming of the Shrew de Shakespeare.

A. COMER

Para comer é fácil, à vários cafés, food trucks e na saída da estação de trem tem um Mc Donalds na esquina. Apesar que estando na Itália, o que a gente quer mesmo é uma boa pizza. 

B. TRANSPORTE

Eu como sempre, usei meu aplicativo Maps.me grátis e offline para marcar os lugares que eu gostaria de visitar. Nesse POST eu mostro todos os aplicativos que uso para me auxiliarem em minhas viagens.

Por fim é isso, se você tiver uma manhã ou tarde livre e tiver por essas voltas, principalmente se você estiver em Veneza, e não tinha planos de visitar Padova,ou Pádua em 1 dia, acho que valeria a pena essa corridinha.

C. HOSPEDAGEM

Mas se você quiser ficar pela cidade, existem várias opções de hospedagem com valores muitos bons. Uma grande parte inclusive no centro histórico. Essa é uma boa alternativa para quem quer visitar Veneza e não encontra hosteis ou hostels com preços bons. Confira aqui as opções de hospedagem. E não esqueça que para Europa é obrigatório o Seguro Viagem. Faca a sua cotação aqui .

*Reservando hotel ou contratando seguro pelos nosso s links você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a viajar mais. Agradecemos muito! Já contei aqui do dia eu eu precisei do seguro viagem e não tinha... Não cometa o meu erro!

Se quiser saber mais informações de outras cidades italianas, abaixo tem todas que visitamos, com bastante fotos e informações úteis.

 
 O Que Fazer em Pádua em 1 Dia, na Itália

O Que Fazer em Pádua em 1 Dia, na Itália

 

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK?

VEJA MAIS