Como Usar a Luz Natural na Fotografia

Texto e Fotos: EDUARDO VIERO  

Tão importante quanto saber compor uma fotografia é entender como usar a luz natural. Diferentes ângulos de luz solar iluminam seu objeto de formas diferentes, criando sombras diferentes.

As tonalidades de cores emitidas pelo sol também diferem significativamente ao longo do dia. E essas mudanças também acontecem dependendo da estação do ano, variando a temperatura de cor da fotografia. Eu só uso luz natural nas minhas fotografias e um dos meus maiores desafios e fotografar em horários que a luz não está boa. Veja o post 10 Dicas para Fotografar Cidades.

Entendendo a Luz Natural na Fotografia

1. LUZ FRONTAL

A luz frontal é aquela vem sobre o ombro, ilumina diretamente o objeto e tira a profundidade do objeto, por isso não é boa para texturas. Já as vantagens são que ela reflete melhor as cores, deixando mais saturadas, e nos retratos ela ajuda a reduzir imperfeições da pele.

Luz Frontal

Luz Frontal

 2. A LUZ DE CIMA

É a luz do meio dia e que projeta o tipo errado de sombra. É a pior luz do dia e mesmo assim a que mais os fotógrafos tiram fotos. No caso de fotografar pessoas o problema é abaixo dos olhos que ficam escuros em função da sombra! Nesse horário a foto fica com muito mais contraste e isso pode ser bom ou não. Tudo depende do seu objetivo.

Luz de Cima

Luz de Cima

3. LUZ LATERAL

É a hora mágica, que acontece de manhã cedo ou no final de tarde. É o melhor horário parar fotografar pela riqueza de tons, pelas sombras bonitas que são projetadas e pela profundidade que se alcança. É perfeita para paisagens e cidades.

  • Chegue antes do pôr-do-sol

  • Use o sol direto no objeto ou use o objeto contra o sol

  • Ajuste a exposicão até que fique na luz correta e ai fotografe

Luz lateral

Luz lateral

4. CONTRA LUZ

Também conhecida como silhueta, essa luz é mais dramática, pois coloca o seu objeto em primeiro plano com a iluminação atrás dele, geralmente no nascer ou por do sol. No meu caso eu nunca foto com silhueta, prefiro explorar essa luz de uma forma mais natural e mostrar o objeto por inteiro. É bem simples:

  • Posicione o objeto em frente ao sol, fazendo com que ele tape o sol.

  • Fotometre em seu objeto, fazendo com que ele tenha luz de forma correta.

  • Trabalhe com a abertura entre 2.8 a 3.5.

  • Depois de focado, fotometrado, basta se deslocar para o lado de forma com que o sol apareça.

  • Tente várias vezes até chegar ao resultado que a luz fique homogenea tanto no objeto quando no sol

Contra luz

Contra luz

 5. DIA NUBLADO

Um dia nublado pode render ótimas fotos. A luz que atravessa as nuvens é difusa e projeta boas sombras. A única coisa diferente nas fotos de dias nublados é eliminar o céu para não ficar um espaço branco.

Dia nublado

Dia nublado

 Ficou com dúvida? Escreve aqui embaixo nos comentários.

VEJA TODOS OS POSTS DE FOTOGRAFIA

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK

SEGUE NO INSTAGRAM @MONICAMORAS E @EDUVIERO

VEJA MAIS