Roteiro pela Quebrada de Humahuaca

Texto e Fotos: MONICA MORAS 

A Quebrada de Humahuaca foi um antigo caminho comercial e social do Império Inca. São várias serras distribuídas em forma de leque que mais se assemelha a um vale estreito, árido e montanhoso com 155km de extensão, por onde passa o rio Grande. Aliás, quebrada significa um rio rodeado por montanhas. 

Do alto, o rio nem parece existir, pois era é só um fio de água correndo (fomos no final da temporada de seca, outubro), mas as montanhas sim são um espetáculo multicolorido ao logo da Ruta 9 que vai até quase a fronteira da Bolívia. São multicoloridas devido aos minerais e tem um contraste perfeito com o céu azul sem nuvens, resultado de processos geológicos que ocorrem há mais de 600mil anos. 

A paisagem em si parece pintada com aquarela, de tão fascinante. Por sua beleza e importância histórica é considerada Patrimônio Cultural e Natural da Humanidade pela Unesco. Como a Quebrada de Humahuaca é o único caminho para o norte da Argentina, é possível se encantar com ela de carro ou de ônibus. A estrada é asfaltada e em boas condições e se você quer ir parando de ônibus, usa a companhia de ônibus Balut que faz a rota Salta – La Quiaca e vai parando nas cidades. 

CIDADES DA QUEBRADA DE HUMAHUACA

  • SAN SALVADOR DE JUJUY

San Salvador de Jujuy é a capital da Província de Jujuy, mas não se difere muito das demais cidades da região. Jujuy serve muito mais como uma base mais próxima do que Salta, do que como uma cidade a ser explorada por mais tempo. 

  • PURMAMARCA

Purmamarca é um vilarejo minúsculo, com menos de mil habitantes e que parou no tempo. Ela é conhecida pelo Morro de Sete Cores (Cerro de los Siete Colores), uma montanha com as sete cores extremamente bem definidas que nem parecem de verdade. 

  • TILCARA

Tilcara é mais uma das cidades da Quebrada de Humahuaca, onde fica o Pucará de Tilcara, uma fortaleza a 2500m acima do nível do mar, e o Jardín Botánico de Altura com mais de mil espécies, principalmente de cactos. 

  • HUMAHUACA

Humahuaca já foi assentamento indígena e deu nome para a Quebrada de Humahuaca. Suas ruas são de pedra e empoeiradas, mas também com a preservação da cultura em pinturas nas paredes, estátuas de barro e metal, além dos artesanatos, muito bem feitos. 

COMO VIAJAR PELA QUEBRADA DE HUMAHUACA

Nós viajamos pela Quebrada de Humahuaca pegando excursão com a Turismo La Posada para explorar algumas cidades e outras fomos por conta própria de ônibus pela companhia Balutque faz o trajeto de Salta a La Quiaca. Os valores compensam muito e os horários tem uma frequência boa. Dá para comprar as passagens na hora, mas é melhor conferir os horários e itinerários. Mas dependendo do seu roteiro, talvez valha a pena ainda pegar ônibus de linha entre uma cidade e outra. 

ROTEIRO PELA QUEBRADA DE HUMAHUACA

  • Salta (ou San Salvador de Jujuy) para La Quiaca de ônibus direto de viagem: 6h.
  • La Quiaca – Humahuaca de ônibus de viagem: 2h.
  • Humahuaca – Tilcara de ônibus de linha: 40min.
  • Tilcara – Purmamarca de ônibus de linha: 30min.
  • Purmamarca – San Salvador de Jujuy de ônibus de linha ou viagem: 1h. 

Todas as cidades podem ser exploradas em menos de 1 dia, mas por questões de logística, é melhor escolher onde parar de acordo com os seus interesses. Já falamos de todas essas cidades aqui no blog (leia).

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão de crédito dá para parcelar em até 12x sem juros. 

VEJA TODOS OS ARTIGOS DA ARGENTINA

PIN IT :) 

Roteiro pela Quebrada de Humahuaca

Roteiro pela Quebrada de Humahuaca

JÁ CONHECE O NOSSO FACEBOOK?

VEJA MAIS