Chouara Tannerie, O Curtume de Fez no Marrocos

Texto: MONICA MORAS  Fotos: EDUARDO VIERO 

Visitar o Chouara Tannerie, o curtume de Fez no Marrocos é um dos principais motivos que levam turistas até a cidade. Mas antes de explicar mais sobre esse lugar curioso, é importante saber que a medina de Fez ainda é muito parecida com o que era a centenas de atrás. Quem nasce na medina, nunca se perde, mesmo no labirinto que é em Fez, pois a vida pouco mudou ao longo dos anos. E é aí que entra a história dos curtumes de Fez, que ainda permanecem os mesmos. 

Os curtumes de Fez são dos tempos medievais e são responsáveis pela maior parte do couro da cidade. O maior curtume de Fez fica dentro da medina e se chama Chouara Tannerie (tannerie significa curtume em inglês). Na verdade são vários, mas o Chouara sem dúvida é o mais impactante.

A vista é de dezenas de homens andando entre tanques, alguns com tintura até a cintura no que mais parece uma paleta de aquarela. Os tanques são fundos com corantes de diversas cores e cada tanque é cuidado por um único curtidor. O couro cru é levado para o tanque, os curtidores pisam nos couros, trabalhando por horas até que fiquem macios e maleáveis, e tenham sido tingidos com a cor desejada. Uma visão interessante e muito curiosa do processo de curtir o couro. 

Nos tanques claros, o principal ingrediente dos tanques é, na verdade, excrementos de pombos, recolhidos todos os dias por meninos almejam um dia se tornarem curtidores. Os tanques também contêm uma mistura de ácidos, pigmentos naturais e urina de vaca. A mistura cáustica ajuda a amaciar o couro duro e permite a absorção total do corante. Sabendo disso, é fácil entender o porque do cheiro tão forte que se sente de longe. Por sorte, na entrada do curtume é entregue um ramo de menta para aliviar os odores. Quando estivemos lá, o vento estava contra, entoa mal sentimos o cheiro. Sorte!

Quando o couro está curtido, ele é levado para um telhado para secar e depois é vendido como matéria-prima diretamente para sapateiros, artesãos e comerciantes. Do couro são feitos calçados, bolsas, cintos, artesanatos e tudo que se possa imaginar. E o mais impressionante é que apesar de ver todo o complexo processo, os produtos finais não são caros, mesmo antes de começar as negociações. 

Para visitar o Chouara Tannerie, saiba que não é difícil de achar por conta própria, mas você vai ter que pagar para visitar e no final vão oferecer todos os produtos. Se gostar de algo, negocie muito até fechar o valor. O melhor mesmo é ir com um guia local para não se estressar para chegar até lá ou para entrar no lugar. Nós contratamos um motorista / guia pelos 15 dias no Marrocos (excelente custo x benefício, fale com a Paula), mas se você estiver viajando por conta própria, veja com o seu hotel um guia local para andar pela medina toda e que inclua o curtume. Certamente vai valer cada centavo!

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão de crédito dá para parcelar em até 12x.

Pin It :) 

 

Chouara Tannerie, O Curtume de Fez no Marrocos

 

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK?

VEJA MAIS