O que Fazer em Bolonha em 1 Dia

Texto: EDUARDO VIERO e MONICA MORAS   Fotos: EDUARDO VIERO

Bolonha é uma cidade Itália perto de Rimini que até então não tinha visitado. Fico impressionado como não importa o quanto se viaje e pense que já se visitou ou viu tudo, a cada dia o mundo se mostra mais interessante e imprevisível do que nunca para mim. Mas vamos falar um pouco sobre Bolonha e o que fazer nela em 1 dia. Passei um dia em Bolonha com meus irmãos e garanto que dá para fazer muita coisa e fotografar muito. Você vai entender isso logo abaixo.

Bolonha é elegante, intelectual e um paraíso gourmet. É em Bologna que está a universidade mais antiga da Europa onde estudaram Dante e Copérnico, por exemplo.

O que Fazer Bolonha em 1 dia: Meu Roteiro

Assim que chegamos na estação de trem, na saída o objetivo é ir até a Via Independenza  que vai dar direto no centro histórico na Piazza Maggiore. Assim que você chega nela, que fica a 3 quadras da estação, você já se depara com a Scala Della Montagola, impossível de não ver.

Eu aconselho subir nela e caminhar ali por cima. É muito bonito e rende várias fotos. Depois é só descer e seguir a Via Independenza. Já na ida para o centro é possível ir até a Via Piella, que onde você encontra o Canale di Reno, que é um pequeno canal com prédios na volta lembrando os canais de Veneza, Na foto abaixo você pode entender o que eu estou dizendo.

Depois dali, você pode seguir pela Via Malcontenti onde tem várias Salumerias, e vai acabar parando no centro. Ou seja, na Piazza Maggiore. Mas antes se quiser, pode procurar a Catedral de São Pietro (entrada gratuita), que fica na Via Independenza.

Quando você estiver caminhando pela Via Independenza, vai perceber muitos Pórticos. E isso é algo que a cidade têm, e muito.  A principal característica da cidade são os pórticos que cobrem as calçadas e a cor ocre, variando do vermelho ao amarelo. Vale a pena observar a arquitetura de cada um deles, já que são todos diferentes. Observe também que a maioria das calçadas é de mármore. 

Chegando na Piazza Maggiore, você vai se deparar com a Basílica de São Petrônio (entrada gratuita, mas paga para subir), com a fachada ainda inacabada, metade mármore, metade tijolo. Isso porque a obra foi embargada pelo papa Inocêncio II no século 14. Ela foi dedicada a padroeira da cidade.

A praça já é o centro histórico, onde está também uma Fontana di Netuno, uma fonte com uma estátua de bronze de Netuno esculpida pelo francês Jean Boulogne (conhecido como Giambologna) em estilo barroco. Na praça estão vários edifícios importantes e o centro de informações fica bem em frente a Catedral.

No Centro de Informações é o lugar que você pode comprar as entradas para algumas das atrações da cidade, como por exemplo, a Torre Asinelli com 97m de altura e nada mais nada menos que 498 degraus.

Due Torri (duas torres) são o símbolo da cidade de Bologna ficam a 300m metros da praça Maggiore, na Piazza di Porta Ravegna, e é impossivel não velas. As duas torres foram construídas pelas famílias Asinelli e Garisenda. Durante a Idade Média Bolonha tinha muitas torres como essas duas, pois eram símbolo de status. Quanto mais rica a família, mais alta a torre. 

Ambas as torres estão inclinadas, por não terem sido construídas em solo apropriado. Mas apenas é possível subir na Asinelli. A entrada na Asinelli custa 5 euros e é com horário marcado, isso porque é um número limitado de pessoas que pode estar lá ao mesmo tempo. Da Torre você terá um vista privilegiada da cidade. Uma vista única que não há outro lugar para tê-la.

Ao lado da torre, se você estiver com fome, tem uma pizzaria chamada Due Torre. O pedaço de pizza custa 1,50 euro e é muito boa, e está sempre lotada.

No quesito comida não dá para questionar nada, vai ser fácil achar lugares para almoçar, jantar ou fazer um lanchinho! Eu e meus irmãos comemos na pizzaria Due Torre, mas se você quiser comer em um restaurante é muito fácil de achar vários. Outra coisa famosa que comentei antes é sobre as Salumerias que são mercearias, onde você vai encontrar queijos, presuntos, pães... tem de tudo.

Outra dica que dou é se perder caminhando nas ruas do centro histórico de Bolonha. Perto das duas torres é possível chegar ao Complexo Santo Estevão, isso através da praça Piazza Della Mercanzia. Isso tudo você pode fazer em 1 dia em Bolonha. Mesmo com calma é possível ver tudo e ainda fotografar.

chegando e saindo de Bolonha

A melhor forma de chegar e sair de Bolonha é de trem. A grande vantagem de Bolonha é que ela é bem conectada pela malha ferroviária. Existem opções de trem expresso ou regional, que custa bem mais barato. Confira os valores e horários no site da Trenitalia. De trem expresso, Florença fica a 1h, Milão 1:40, Veneza 2h e Verona 2h.

E ainda é possível visitar San Marino, o país mais antigo do mundo. Basta ir até Rimini e de lá seguir para San Marino. Leia San Marino em 1 Dia: Tudo sobre o país mais antigo do mundo

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão de crédito dá para parcelar em até 12x.

VEJA TODOS OS ARTIGOS DA ITALIA

PIN IT :) 

 

O que Fazer em Bolonha em 1 Dia

 

Já conhece nosso Facebook?

VEJA MAIS