Langkawi e a Sky Bridge

Texto: Mônica Morás   Fotos: Eduardo Viero e Mônica Morás

Belas praias, floresta tropical, comida boa, gente simpática e ainda uma ilha onde tudo é duty free, essa é Langkawi, na Malásia. Sim, cerveja barata na Malásia é possível apenas nessa ilha!

Pantai Cenang

São várias as atrações da ilha, mas além das praias, a principal continua sendo a Langkawi Sky Bridge, uma ponte de 125m de comprimento que fica a 700m acima do nível do mar com uma vista 360º de tirar o fôlego! Para chegar lá no alto é necessário pegar o teleférico que custa 35RM e torcer pra não estar ventando muito, porque a cabine balança demais.

Outra “atração” pra quem gosta de comida de rua é o night market que todo dia muda de lugar, mas que vale a muito a pena descobrir onde é pelo sabor e pelo valor. Ainda falando em comidas, nos hospedamos em Cenang no My Rainforest (recomendo!) e bem na saída tinha um restaurante ótimo com happy hour.

Das praias, nós conhecemos Cenang, Datai Bay e a Tanjung Rhu Beach. Cenang é a mais movimentada, com as melhores opções de hospedagem e restaurantes, um por do sol fascinante, mas não é a mais bonita, mesmo com mar de água clara, areia branca e palmeiras. Datai Bay é lindona, mar azul e dá pra ver as ilhas lá longe, mas é uma lugar só pra visitar mesmo. Já Tanjung Rhu é divina! É lá que estão os hoteis 5 estrelas e nem todo hopping island passa por lá.

A melhor forma de andar pela ilha é alugando uma moto. A diária custa 40RM, enquanto um taxi cobra 30RM por trajeto. Existem várias formas de chegar em Langkawi. Nós chegamos de ferry vindo de Penang, fomos e voltamos de ferry para Koh Lipe, na Tailândia, e depois saímos de ônibus direto para Singapura. Mas a ilha tem um aeroporto e se você estiver apenas com bagagem de mão, vale muito a pena pegar um voo de qualquer parte do país. Como existe um voo direto da China, não se espante em ver centenas de chineses por lá, e russos, é claro!

Tanjung Rhu

Já conhece nosso Facebook?

VEJA MAIS