É seguro viajar para a Tailândia?

Translate here!

Texto: MONICA MORAS    Fotos: EDUARDO VIERO

Entre tantas perguntas que recebemos, as mais comuns são: é seguro viajar para a Tailândia? A Tailândia é um país seguro para mulheres que viajam sozinhas?

Uma coisa é certa: não dá para acreditar em tudo que os filmes mostram e as estatísticas provam isso com facilidade. Mas é melhor explicar tudo em detalhes para você mesmo tirar suas conclusões e entender onde estão os problemas para poder evitá-los com facilidade.

segurança tailandia viagem

Talvez a forma mais fácil de entender como é a segurança de um país é ver suas estatística num amplo sentido. Numa rápida busca na internet, é fácil encontrar os números oficiais.

 

O QUE MOSTRAM AS ESTATÍSTICAS

 

a. ROUBOS E FURTOS

Pode parecer injusto falar, mas eu tenho mais medo de ser furtada ou roubada por outro estrangeiro do que por um tailandês. Não estou falando de ser enganada num daqueles golpes famosos contra turistas (veja aqui), mas sim sobre alguém roubar meu telefone, passaporte, carteira ou ainda me assaltar parar levar minha câmera.

Para ter uma ideia, os estudantes, assim como eu e demais estrangeiros que trabalham em cafés estamos acostumados a deixar nosso computador sobre a mesa parar guardar lugar enquanto vamos no banheiro, por exemplo. É óbvio que pedimos a gentileza de uma funcionário dar aquela olhadinha, mas não conheço e nem ouvi falar de ninguém que tenha tido problemas. Outra coisa comum é de deixar o capacete em cima da scooter, solto ou pendurado, e ninguém vai mexer. E o mesmo para os sapatos deixados na frente dos templos, que ninguém pega “por engano”. Mas vamos falar de estatísticas!

  • FURTOS: Os dados mostram que o país tido como mais seguro da Ásia, o Japão, tem 356 casos de furtos para 100mil habitantes registrados em 2014, já a Tailândia teve 98 casos a cada 100mil habitantes. Já demos dicas de segurança durante a viagem aqui no blog.
  • ROUBOS: Enquanto na Tailândia existem 2,21 roubos a cada 100mil habitantes, na Colômbia são 210,14 casos a cada 100mil pessoas no mesmo ano. 
segurança tailandia viagem

b. SEGURANÇA DA MULHER

Em muitos países as mulheres sofrem com assédio, abusos e demais violências de gênero. Felizmente a Tailândia não faz parte desses países, pois é um dos lugares mais seguros para mulheres, mais até do que na Europa. Segundo os dados oficiais de denúncias sobre estupros disponíveis no Nation Master o percentual na Austrália, EUA e até Islândia é 4 vezes maior do que na Tailândia, onde são 70 casos para 1 milhão. É claro que esses números pode ser afetado por questões culturais e falta de denúncia por questões culturais em vários países, mas ainda assim os valores são bem distintos.

Leia mais:

c. HOMICÍDIOS E SUICÍDIOS

A Ásia em geral tem apenas 2,9 homicídios a cada 100 mil habitantes por ano segundo a United Nations Office on Drugs and Crime (UNODC). Na Tailândia especificamente esse número é de 3,51 a cada 100mil habitantes enquanto no Brasil é de 26.74 a cada 100mil, segundo dados de 2015.

Mas se falamos de suicídio, os valores aumentam parar 12,7 a cada 100mil habitantes. Numa rápida comparação, a Finlândia tem uma taxa de 21,4 pessoas a cada 100mil habitantes. Ou seja, é seis vezes mais provável alguém se suicidar na Finlândia do que alguém ser morto na Tailândia. Os dados de 2015.

segurança tailandia viagem

d. DADOS SOBRE ESTRANGEIROS

Já se falamos de estatísticas específicas de estrangeiros, o site Farang Deaths mostra que 87,05% dos casos de morte são de homens, em sua maioria europeus que morrem por acidentes de trânsito, afogamento e suicídio.

  • SUICÍDIOS: Muitos aposentados que se jogam de seus condomínios em Pattaya por problemas com álcool, drogas, dívidas e relacionamentos amorosos que não deram certo, depressão e tantas outras coisas. É um triste e trágico fenômeno conhecido como Pattaya Flying Club.
  • AFOGAMENTOS: As mortes por afogamento geralmente estão relacionadas ao ignorar os avisos de proibição de nadar, alertas de mudança da correntes marítimas e de condições de insegurança para entrar na água. E a maioria dos casos não são registrados nas praias, mas sim perto de rochas de onde as pessoas pulam na água, como por exemplo no Grand Canion de Chiang Mai.
  • ACIDENTES DE TRÂNSITO: Infelizmente o maior risco que qualquer pessoas sofre na Tailândia é sobre acidentes de trânsito. O pessoal não dirige muito bem, as estradas que já não são boas ficam escorregadias pela areia ou acúmulo de água e ainda muitos estrangeiros alugam scooters sem sequer saber dirigir elas, andando em alta velocidade, sem capacete e até alcoolizados. Não é à toa que alguns seguros saúde não cobrem acidentes de motos no Sudeste Asiático e quando cobrem, custam mais caro.

  • Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%.
segurança tailandia viagem

e. LUGARES PERIGOSOS NA TAILÂNDIA QUE É MELHOR EVITAR

Existem poucos lugares que são perigosos na Tailândia e é melhor evitar para não ter problemas. As províncias Pattani, Yala e Narathiwat no extremo sul do país, já na fronteira com a Malásia são separatistas e de maioria muçulmana que vive na região. Desde 2001 casos de assassinatos tem sido registrados principalmente contra monges budistas, policiais e professores. Inclusive os dois atentados que aconteceram em Bangkok em 2016 (que por sorte deixaram poucos feridos) foram feitos por pessoas dessa região. 

Outro lugar que tem registrado casos de morte e desaparecimentos ainda não esclarecidos contra mochileiros estrangeiros é Koh Tao, uma ilha famosa por festas que duram a noite inteira e por ser uma lugar perfeito para o mergulho. Dizem que há uma máfia local. 

E também como recomendação eu diria para evitar descumprir as regras de “convivência” de certos locais como na Walking Street de Pattaya, da Soi Cowboy em Bangkok ou de qualquer rua famosa por prostituição. O pessoal não é muito tolerante nesses lugares e gosta de arranjar briga.

segurança tailandia viagem

Leia mais:

 

AFINAL, A TAILÂNDIA É UM PAÍS SEGURO?

Sendo brasileira, tendo viajado por quase 50 países e morado na Tailândia por mais de 1 ano, posso afirmar que em nenhum país do mundo me senti tão livre e segura para andar em qualquer lugar a qualquer hora do dia ou da noite nos onde morei, Bangkok e Chiang Mai, e onde visitei.

Estamos tão acostumados a ver filmes, séries e ser induzidos ao erros quando se trata de lugares. O primeiro choque de realidade quando se chega na Tailândia é descobrir um país muito moderno e organizado. O segundo choque é o nível de segurança pessoal. São tantos choques positivos que até contei tudo num post Como a Tailândia Mudou a Minha Volta ao Mundo.

De modo geral as estatísticas mostram que é um país muito seguro para qualquer um que queira visitar, desde que fique atento aos alertas na hora de nada e mergulhar e não seja irresponsável no trânsito.

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão de crédito são até 12x sem juros. 

VEJA TODOS OS POSTS DA TAILANDIA

Já conhece nosso Facebook?

VEJA MAIS