Se Você Não Encontrar Um Caminho, Crie Um!

Translate here!

Texto: Mônica Morás    Fotos: Eduardo Viero e Mônica Morás

Eu já contei aqui o porquê eu larguei tudo e fui viajar, sobre o drama de ter tudo e ainda assim estar infeliz com o rumo das coisas. Mas eu decidi encarar o medo de frente e fazer alguma coisa. Naquela época eu não sabia o que eu realmente “queria ser quando eu crescesse” e confesso que continuo não sabendo exatamente. Mas isso não me paralisou e já que eu não encontrei o meu caminho, eu criei um!

Ainda no começo da viagem era desesperador ver o tempo passando e eu na frustrante expectativa de milagrosamente saber o que fazer da vida. Num desses dias frustrantes (tpm), de choro incontido e tristeza pelo fracasso que eu estava sendo durante a minha viagem dos sonhos, o Eduardo me disse: “Se tu não sabe o que fazer, dá o teu melhor em tudo que tu faz". Ele tinha toda razão!

Então eu entendi que simplesmente deveria parar de tentar descobrir o que eu queria ser. Sim, eu parei! Por quê? Porque eu estava procrastinando! Porque eu me preocupava demais em ler livros, artigos, escutar podcasts de como descobrir o meu propósito e isso me tirava o tempo de inspiração. Aquilo me sufocava e eu nem sabia! E a mágica toda da coisa é que quanto mais inspirada eu me sinto, mais perto eu chego de descobrir e mais vontade eu tenho de fazer algo que me deixa feliz. Se eu soubesse que alguns minutos diários de inspiração fariam toda a diferença na minha vida, eu teria começado antes! Hoje além de viajar, eu leio, escuto música (e canto sozinha!), escrevo, me permito passar mais tempo conversando com as pessoas sem me preocupar com o horário e o que tem pra fazer depois. Que simples, né?! 

Atualmente escrever sobre como essa experiência louca toda mudou a minha vida e inspirar outras pessoas a fazerem as suas próprias mudanças, sem necessariamente “largar tudo e ir viajar”, é o que mais me deixa super feliz. Eu dou o meu melhor nisso, porque eu acredito nisso, eu vivo isso diariamente. E é aquilo: se eu não acreditar em mim, como eu posso esperar que alguém acredite? A auto-confiança é algo contagiante! E por isso hoje eu posso dizer que eu criei o meu caminho e dou o melhor de mim em tudo o que eu faço. Tem dado certo! ;)

monica moras

 

Já conhece nosso Facebook?

VEJA MAIS