Como Viajar Barato na Tailândia: Roteiro de 15 dias com Valores

Atualizado Ago/19

Texto:MONICA MORAS  @monicamoras  Fotos: EDUARDO VIERO @eduviero e MONICA MORAS  

É inegável que a Tailândia é um dos países mais barato de viajar, um verdadeiro paraíso para mochileiro em busca de aventura e nômades digitais em início de carreira. Mas da mesma forma que é um país barato de viajar, por ser bem caro se não houver planejamento. São muitas tentações no caminho: mercados noturnos, massagem, baldinhos de bebida, posh hostels (hostel de luxo), resorts com vista para o mar com preços melhores do que um hotel baratinho na Europa, só para exemplificar.

Trem da Tailândia

NESSE ARTIGOS EU VOU:

  • Dar dicas de economias que valem a pena, porque nem tudo que é barato vale a pena. E mostrar os valores médios das coisas.

  • Fazer uma conta matemática em cima de um roteiro de 15 dias em modo econômico. Econômico, mas aproveitando a viagem com dignidade.

COMO VIAJAR BARATO NA TAILÂNDIA

DICAS PARA ECONOMIZAR

As dicas de economia valem para mochileiros e viajantes com baixo orçamento, que querem viajar barato, sem perder a dignidade. Digo isso, porque nem todo mundo quer viajar de mochila ou ficar em hostels fuleiros (tem muitos!). Para saber, na média, 1 real vale 8 baht, e 1 dolar vale 32 baht (ago/19). 

1. COMPRE UM CHIP DE CELULAR

Compre um chip de celular assim que chegar no aeroporto. Custa entre 599 baht (17 dolares) e 600 baht um plano de 4G com de 4gb de internet ilimitada durante 30 dias. Funciona muito bem em todo o país. As melhores companhias são AIS, DTAC e True. É útil para usar mapas, tradutor, chamar um Grab (Uber local), buscar informações na rua e até para quando a wifi do hostel resolve não funcionar. 

  • RESUMINDO: 599 baht 

Redtruck em Chiang Mai

 2. ESCOLHA O TRANSPORTE CORRETO NA CIDADE

Na Tailândia tem o Grab (o Uber local) e vale a pena ter o aplicativo para ir para o aeroporto, andar de noite ou percorrer trajetos que não tem transporte público. Infelizmente ele não funciona em todas as ilhas. 

Em Bangkok as melhores opções de transporte são os barcos quando se está na Old City (área dos templos e Chinatown) e o skytrain na parte nova da cidade, onde estão os shoppings. Não use o tuktuk, pois eles cobram muito mais caro. O taxi só vale quando você tiver noção do valor, souber como chegar no lugar e pedir para usar o taxímetro (meter), porque eles não são bons na comunicação e nem na localização. Ônibus é o mais complicado (o Google Maps ajuda) e demorado, e como o seu tempo provavelmente é curto, eu não recomendo. O único que eu recomendo usar em caso de necessidade é o Grab (Uber local), por comodidade dependendo do trajeto. 

Em Chiang Mai a melhor opção são redtrucks, caminhões vermelhos que custam 30 baht por trecho dentro da Old Town. Para fora é negociável. Os valores são fixos para estação de trem, ônibus e aeroporto, porém eles sempre tentam cobrar bem mais. O Grab também funciona aqui e é uma ótima opção para trajetos fora da Old Town. Leia: Quanto Custa na Tailândia: Valores para Planejar a Viagem

Nas ilhas maiores (Phuket, Krabi e Koh Samui) as opções são ou redtrucks ou o Grab Taxi, que na hora de chamada, ele dá um valor médio, que pode ser mais ou menos do que aquilo. Entre aeroporto e praia, os valores são fixos tanto para o taxi quanto para o ônibus, e nesse caso eu recomendo o ônibus. Moto também é uma boa opção, inclusive para ilhas pequenas (Koh Tao, Koh Phangan), porém é sempre um risco se você não tem habilitação e um Seguro Viagem que cubra acidentes. Ainda tem os taxi boat para ir de um lado para outra em algumas ilhas com custo médio de 100 baht por trecho.

  • RESUMINDO: transporte público em Bangkok e Grab taxi nas ilhas maiores, taxi boat nas ilha menores 

*Usando o link do Seguros Promo do blog para comprar o seu seguro viagem, você encontra seguros com desconto usando o cupom EDUARDOEMONICA5, tem ajuda de um atendente para tirar dúvida por telefone e whatsapp, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o blog ativo. 

Tuktuk em Bangkok

 3. ESCOLHA O TRANSPORTE CORRETO ENTRE CIDADES E ILHAS

A Tailândia tem todas as opções de transporte muito fáceis. Tem trem, ônibus para todos os lados, vans, ferry para ilhas e voos entre as principais cidades. Tem também os combos de transporte que combinam voo+ferry, ou ferry+van, ou qualquer outra opção combinada que seja possível levar uma pessoa de um ponto ao outro, por preços que valem mais a pena do que comprar separado. 

Os vôos são a forma mais fácil de se deslocar, porém é preciso comprar as passagens com bastante antecedência para conseguir preços bons, viajar leve para não pagar o despacho de bagagem, considerar o valor do deslocamento até o aeroporto+ tempo de espera para embarcar, e o valor do transporte de/para aeroporto. Existem opções de voo+ferry quando o trajeto vai para ilha. 

Os trens noturnos são a forma mais confortável de viajar, podem substituir uma noite de hostel, porém ainda são mais caros do que pegar ônibus. Dá para chegar 15 minutos antes e levar a mala junto. 

Os ônibus são a forma mais barata e rápida (em termos de economia) para de deslocar entre uma cidade e outra na Tailândia. Não são a forma mais confortável, mas são mais rápido que os trens, não tem problema de peso da mala, e os ônibus noturnos da Tailândia são bem equipados. Algumas companhias oferecem o combo de ônibus+ferry quando o trajeto vai para ilha. 

  • RESUMINDO: ônibus (com combo se possível)

*Usando o link do 12Go do blog para reservar a sua passagem, você acha passagens que atendem as suas necessidades, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o blog ativo. 

Leia O que Levar na Mala para Tailândia e também Como é Viajar de Trem Noturno na Tailândia e ainda 7 Dicas para Sobreviver a uma Viagem de Ônibus pela Ásia

Mercado de comidas em Chiang Mai

Mercado de comidas em Chiang Mai

4. ALIMENTAÇÃO

A comida geralmente é o pior drama dos viajantes na Tailândia: uns amam, outros odeiam, uma boa parte tolera e se vira do jeito que dá. E é aí que entra o problema dos custos: quanto mais restrições (ou frescuras) alimentares você tiver, mais caro vai ser comer. Vegetarianos, fiquem tranquilos, porque tem muitas opção e os valores são os mesmos. 

Mas digamos que você seja do tipo que se vira do jeito que dá. Nesse caso, uma refeição vai custar 50 baht (1,50 dolar) em Bangkok e Chiang Mai, e 150 baht (4,70 dolares) nas ilhas. Esse valor vale para café da manhã, almoço e janta em lugares locais bem simples que servem pad thai, tom yum, noodles soup, etc. Para um atendimento num restaurante melhor, calcule o dobro por refeição. 

Minha dica especial para quem enjoar da comida tailandesa e não quiser gastar, é ir no 7Eleven (loja de conveniência) e comprar o macarrão carbonara de 55 baht ou o macarrão com molho de salsicha de 35 baht que eles esquentam. E lá também tem um sanduíche prensado dos deuses, que no Rio Grande do Sul nós chamamos de torrada e outros estados chamam de misto quente. Custa 35 baht (1 dolar). 

  • RESUMINDO: 100 baht por refeição (na média)

5. BEBIDA

O perigo se esconde numa garrafa de cerveja Chang ou num daqueles baldinhos de Hong Thong. Bebida alcoólica é cara na Tailândia, é ela que dobra o custo da viagem. Uma garrafa de cerveja na loja de conveniência custa 60 baht (1,90 dolar), o mesmo preço de um prato de comida. No restaurante local baratinho, custa 120 baht (pode ser menos). E o baldinho das ilhas custa entre 250 e 300 baht (9,50 dolares). 

Já a água custa 10 baht uma garrafinha de 500ml, e de 15 a 20 baht uma garrafa de 1,5lna loja de conveniência. No restaurante o valor é de 20 baht a garrafinha de 500ml. 

  • RESUMINDO: 120 baht um garrafa de cerveja no restaurante (na média) e 10 baht a garrafinha de água

The Yard Hostel Bangkok

6. HOSPEDAGEM

Se você está sozinho, considere ficar em hostel, num quarto compartilhado. Em Bangkok e Chiang Mai espere pagar uma cama entre 250 e 300 baht (9,50 dolares). Pode ser bem menos, mas daí fica sem ar condicionado, segurança duvidosa, etc. Se você estiver com mais pessoas nas cidades, considere pesquisar um Airbnb ou hotel com quarto privado, pois a diferença a mais pode ser mínima. Nas ilhas espere pagar entre 450 e 700 baht (21,80 dolares) uma cama. Quanto mais barato, maior a chance de ser barulhento e sujo. Escolha também ficar nas áreas de mochileiros, que geralmente tem opções boas. 

  • RESUMINDO: 250 baht uma cama na cidade, 450 baht uma cama na ilha

*Usando o link do Booking do blog para reservar a sua hospedagem, você acha hospedagens com desconto, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o blog ativo. 

Long Tail em Koh Lipe

7. PASSEIOS

Os passeios são a parte mais cara da viagem. E aqui é o lugar de pensar na economia inteligente, aquela que otimiza tempo. Escolha andar sozinho na cidade e pegar tours para day-trips.

Em Bangkok, entrar nos 3 templos principais vai custa 750 baht (23,30 dolares). Tanto o passeio para Ayutthaya quando o Mercado do Trem+ Mercado Flutuantes, custam em média 500 baht (15,60 dolares). Ayutthaya é possível ir por conta e o custo vai ser em média 400 baht (transporte, entradas, alimentaçãoo, aluguel da bicicleta). 

Em Chiang Mai entrar em todos os templos, já com o transporte, custa 340 baht (10,60 dolares). Um day-trip para Chiang Rai custa 1200 baht (37,50 dolares) e a luta de Muay Thai custa 500 baht. 

Nas ilhas os passeios de barco custam entre 1500 e 2500 baht (78 dolares) com as taxas ambientais, dependendo do passeio e da ilha. Já o mergulho custa 3800 baht (119 dolares) com a taxa ambiental. 

  • RESUMINDO: separe no mínimo 1650 baht para Bangkok, 2050 para Chiang Mai e 8200 baht para duas ilhas

Leia: Quanto Custa na Tailândia: Valores para Planejar a Viagem

8. COMPRAS (HIGIENE E PERFUMARIA)

Não há escapatória: em algum momento você vai precisar comprar repelente, protetor solar, ou até um inalador para vertigem. Os valores são mais baratos em Bangkok e Chiang Mai, e bem mais caros nas ilhas. Um protetor solar Nivea em Bangkok custa 130 baht (4 dolares), já em Koh PhiPhi custa 400 baht (12,50 dolares), por exemplo.

Já o inalador tem valor padrão de 25 baht e ajuda bastante quando bate aquele calor que faz baixar a pressão e ajuda no enjoo da viagem. Um sabonete líquido custa 25 baht, shampoo 35 baht e OB 80 baht. Se você não levar alguma coisa do Brasil que vai precisar, compre em Bangkok ou Chiang Mai. 

  • RESUMINDO: separe 500 baht para higiene e perfumaria  

Bangkok

QUANTO CUSTA VIAJAR 15 DIAS NA TAILÂNDIA

EM MODO ECONÔMICO 

Nenhuma viagem econômica é feita sem planejamento. Você TEM QUE pesquisar, ler, se informar, anotar tudo, senão corre o risco de levar menos dinheiro e precisar usar o cartão de crédito por necessidade e não por opção. Entenda também que quanto mais você se movimenta, bebe bebida alcoolica e faz passeios, mais cara fica a viagem. Porém, quando mais tempo você fica no país, mais o custo total da viagem vai se diluindo. Então se liga na conta:

Faça a soma:

passagem + seguro viagem + hospedagem (valor do dia x dias de viagem) + transporte entre as cidades + passeios + valores fixos (chip de celular + compras de higiene) + comida (valor do dia x dias de viagem x três refeições)  + bebida  (valor médio da cerveja x dias de viagem) = ORÇAMENTO MÍNIMO PARA SAIR DE CASA

Templo Branco em Chiang Rai

Templo Branco em Chiang Rai

COMO VIAJAR BARATO NA TAILÂNDIA

Roteiro de 15 dias com valores

Digamos que você vai ficar 15 dias viajando no roteiro Bangkok (3 dias), Chiang Mai (3 dias), Ao Nang (3 dias), Koh Phi Phi (3 dias) e último dia em Bangkok.  

Roteiro de 15 dias na Tailândia

Você, sozinho, em modo econômico, vai gastar no mínimo: 

BANGKOK

  • Chip de celular: 599 baht

  • Transporte até hostel na Old City: 500 baht

  • Hostel por 3 noites: 750 baht

  • Alimentação + água por 4 dias:  700 baht

  • Templos: 750 baht

  • Passeios do Mercado Flutuante, Mercado do Trem, Ayutthaya: 1000 baht 

  • Transporte na cidade e até estação de trem: 400 baht

  • Cerveja 2 por dia: 720 baht

TOTAL: 5419 baht (169,34 dolares) 

*Não está incluído o escorpião no palito (250 baht) e calça/ saia para entrar no templo (150 baht)

Leia: Roteiro em Bangkok Passo a Passo: Imperdíveis e Arredores e também Como é o Mercado Flutuante Damnoen Saduak

Chinatown em Bangkok

Chinatown em Bangkok

CHIANG MAI

  • Trem noturno de Bangkok para Chiang Mai: 900 baht

  • Transporte até o hostel na Old City: 80 baht 

  • Hostel por 3 noites: 600 baht

  • Alimentação + água por 3 dias: 540 baht

  • Templos + transporte: 340 baht 

  • Passeio para Chiang Rai: 1200 baht 

  • Thai massagem 1 vez: 200 baht

  • Transporte na cidade e para aeroporto: 160 baht

  • Cerveja 1 por dia: 360 baht

TOTAL: 4380 baht (136,90 dolares)

*Não está incluído o passeio dos elefantes, a luta de Muay Thai (500 baht).

Leia: Roteiro em Chiang Mai: O Que Fazer Dia a Dia e também O Templo Branco da Tailândia

AO NANG

  • Voo de Chiang Mai para Krabi: 3500 baht

  • Transporte até o hotel: 60 baht

  • Hostel por 3 noites em Ao Nang: 1350 baht

  • Alimentação+ água: 1500 baht

  • Transporte para Railay: 200 baht 

  • Passeio para 4 ilhas: 1600 baht (com taxas)

  • Cerveja 2 por dia: 720 baht

TOTAL: 8930 baht (279 dolares)

*Não está incluído o passeio de Hong Island (1600 baht com taxas)

KOH PHI PHI

  • Ferry de Ao Nang para Koh Phi Phi: 450 baht 

  • Hostel por 3 noites: 1950 baht 

  • Alimentação + água: 1500 baht 

  • Transporte para Long Beach: 200 baht

  • Passeio pelas ilhas: 1500 baht (com taxas)

  • Mergulho: 3800 baht (com taxas)

  • Cerveja 2 por dia e 1 baldinho: 1020 baht

TOTAL: 10420 baht (325, 60 dolares)

*Não estão incluídos os shakes de frutas (50 baht) e aluguel de caiaque

Leia: Roteiro em Koh Phi Phi: Guia da Ilha e Dicas Práticas

Chinatown em Bangkok

BANGKOK 

  • Combo de ferry + ônibus de Koh Phi Phi para Bangkok - Old City: 950 baht 

  • Hostel por 1 noite: 250 baht

  • Alimentação + água: 250 baht

  • Transporte na cidade: 200 baht

  • Transporte para o aeroporto: 500 baht 

TOTAL: 2150 baht (67 dolares)

*Não estão incluídas as comprinhas no MBK ou mercado noturno e nem a entrada no rooftop bar

Leia: Compras em Bangkok, Um Guia Definitivo e Democrático e também 7 Rooftop Bar em Bangkok que Valem a Pena

IMPORTANTE: Eu pesquisei esses valores no Booking, 12Go e os valores de passeios são esses mesmos valores. Todos os demais valores são de experiência própria morando 2 anos na Tailândia e baseado em valores locais. Leia Tudo Sobre a Tailândia: 28 Dicas de Quem Morou Lá Bastante Tempo

Quanto custa viajar para Tailândia 15 dias

CUSTA 977,70 DOLARES uma viagem de 15 dias pela Tailândia em modo econômico (sem passagem do Brasil e seguro viagem). 

Ou seja, você não deve sair de casa sem ter no bolso 1000 DOLARES. Eu recomendo muito sair com dinheiro a mais, porque sempre vai ter um sorvete de coco, umas cervejas a mais, vontade de ir no rooftop bar, fazer massagem, de repente fazer o tour dos elefantes ou um tour a mais nas ilhas... Lembrando que nesses 1000 dolares não estão incluídos as passagens até a Tailândia e o Seguro Viagem.

  • PODE SAIR MAIS BARATO? Pode! Tem opções mais baratas, mas eu escolhi valores médios de comer direito em lugares simples, ficar em hostel “dormível” e beber, porque faz calor nesse país. Não tirei nenhum tour, porque ninguém sai de casa para não fazer os imperdíveis do país. Se é para viajar barato, que seja pelo menos com dignidade! 

  • PODE SAIR MAIS CARO? Pode. Além dos imperdíveis da Tailândia, existe uma infinidade de coisas que você provavelmente vai querer fazer, provar ou comprar. E se você pode pagar um pouco a mais, faça isso. 

  • DICA ESPERTA: reserve os hotéis ainda no Brasil para já poder pagar no cartão, e “sobrar” esses dólares para usar no país. Dólares jamais são desperdiçados se voltarem para casa. 

VEJA TODOS OS POSTS DA TAILÂNDIA

Chiang Mai

Ficou claro agora como funciona a conta da viagem? Essa conta serve para qualquer país, basta trocar os valores! Se tiver dúvidas, manda aqui embaixo nos comentários!

Veja TUDO SOBRE A TAILÂNDIA: 28 DICAS DE QUEM MOROU LÁ BASTANTE TEMPO

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro! Fazendo o seguro através do nosso você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a manter o blog ativo. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão paga em até 12x. Travel Ace atende bem na Tailândia, por isso confira os valores. 

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK? SEGUE NO INSTAGRAM @MONICAMORAS @EDUVIERO

VEJA MAIs