Onde Comer no Vale dos Vinhedos: Galeto DiPaolo Garibaldi

Texto: MONICA MORAS @monicamoras  Fotos: EDUARDO VIERO | @eduviero

Comida é cultura, e se tem uma coisa que o restaurante Galeto Di Paolo faz bem, é manter viva a herança e o sabor que os imigrantes italianos trouxeram para o Rio Grande do Sul. Tivemos a felicidade de almoçar no Galeto Di Paolo em Garibaldi, o primeiro da rede, justamente no mês de aniversário de 25 anos. O próprio Paulo nos recebeu para contar um pouco mais da história do lugar e da fama do galeto al primo canto que os levou Santa Catariana e até para São Paulo. É o típico lugar para comer a chamada “comfort food”, aquela que te traz memórias. 

UM POUCO DA HISTÓRIA

A história do Galeto Di Paolo começou em 1994, mas a história do Paulo começou bem antes. A família era de 15 irmãos, todos da colônia (como se chama roça no RS). Com 18 anos o Paulo aprender a trabalhar como garçom, ainda no exército, e depois seguiu sendo garçom por muitos anos, e inclusive entrou em algumas sociedades. 

Mas foi em 1994 que a família decidiu utilizar a experiência que eles já tinham da família de imigrantes italianos, e trazer o autêntico sabor para um restaurante. Um desafio e tanto! Se você não sabe, o galeto al primo canto é equivalente ao churrasco em tradição. O negócio deu tão certo, que em 2019, o ano de 25 anos do Galeto Di Paolo, o restaurante foi escolhido como o melhor do Rio Grande do Sul pelo voto popular. 

COMO É O GALETO DIPAOLO

Alegria à vontade, é isso que o Di Paolo oferece no restaurante de Garibaldi. Um sequência de comidas italianas com receitas autênticas e produzidas todas especificamente para a rede. Todos os dias são entregues as massas que serão usadas nas refeições e, por isso, é tudo tão fresco. Na verdade, tudo que é consumido em todas as lojas da rede é produzido no Rio Grande do Sul para manter o padrão de qualidade da rede. 

O que eu mais gosto no Di Paolo é que é uma comida simples, mas com uma excelente apresentação. Além de tudo ser deliciosos, ainda transparece isso na foto! E quando eu falo de simples, é porque é uma sequencia de saladas, massas, polenta e galeto. Minha família também é dessa região, também da colônia, então para mim, comer no restaurante Casa di Paolo é como comer a comida da minha nona e ainda escutar o “mangia che te fa bene cara mia” entre uma risada e outra com uma taça na mão daquela família imensa e cheia de primos. 

O Galeto DiPaolo fica num casarão de pedra, toda decorada pela arquiteta Letícia Zanesco, com quadros com fotos antigas de família, lareira, bandeiras italianas e madeira de pipa em quase todos os ambientes, uma parede envidraçada com vista para o jardim que além de lindo, dá uma boa iluminação para o lugar. atendimento também é uma delícia, com garçons simpáticos e atenciosos, que perguntam sempre se quer que traga mais. Tentação!  

A COMIDA DO RESTAURANTE GALETO DI PAOLO

A sequência do restaurante Galeto Di Paolo é seguinte: sopa de capeletti, saladas, polentas, queijo à dorê, galeto al primo canto, nhoque, massas diversas com molhos, tortéi e sobremesas. Tudo à vontade!

SOPA DE CAPELETTI: A sopa de capeletti é a entrada. Vem num caldo de frango da forma tradicional mesmo como os imigrantes italianos serviam. O queijo ralado é da colônia, aquele que derrete. E ainda acompanha uma cestinha de pão colonial caseiro. 

SALADAS: Das saladas, são tries opções que tem salada de bata com maionese, mix de folhas e o clássico da região do imigrantes italiano, a salada de ridite com bacon. 

POLENTAS: Comida italiana sem polenta, não é comida italiana. Vem na versão frita, crocante na medida certa, e na brustolada, aquela na chapa. 

QUEIJO À DORÊ: Esse queijo é tipo Bis, quando percebe, já comeu todos e quer mais. É um bolinho de queijo levemente empanado e frito. É muito leve e todinho de queijo, melhor do que o pão de queijo. 

GALETO AL PRIMO CANTO: O frango assado do Galeto Di Paolo é o que torna esse restaurante especial, o carro-chefe da casa. É um frango assado, muito bem temperado, sulucento, tudo na medida certa. Fora o cheirinho dele. Ele é tão bom, que tem até a receita original do galeto al primo canto do DiPaolo no site da rede.

MASSAS: As opções de massas são perfeitas para provar um pouquinho de cada uma. Tem spaghetti, tagliarini, nhoque, tortéi (aquela recheada de moranga), e acompanha os molhos tradicional de tomate, quatro queijos, tomate seco, funghi e alho e óleo. Todos muito bons! 

SOBREMESAS: As opções eram entre ambrosia, sagu com creme e o famoso pudim de leite condensado. 

BEDIDAS: Além das comidas, ainda existem as opções de vinhos, que são produzidos em Pinto Bandeira e rotulados com a marca da casa e sucos de uva natural. Entre outras bebidas. 

Minha dica especial: vá com fome! 

COMO CHEGAR NO GALETO DIPAOLO EM GARIBALDI

  • Endereço: Rodovia BR-470, km 221,6 (Castello Benvenutti) – Garibaldi/RS.

  • Telefone: (54) 3463.8505

  • Horário de funcionamento: Todos os dias para almoço, das 11:30h às 15h. Jantar de segunda-feira a sábado, das 19h às 23h.

  • Site: http://www.dipaolo.com.br

Paulo contando mais da história

A vista

A vista

FIQUE LIGADO!!!

Não esqueça de fazer o Seguro Viagem! Eu já precisei (contei aqui) e não tinha. Não cometa meu erro!). Lembre-se que nem sempre o seguro saúde cobre outros estados. Fazendo o seguro através do nosso link você não paga nada a mais e ainda nos ajuda a continuar viajando. Use o código EDUARDOEMONICA5 para ganhar 5% de desconto, e se pagar no boleto, ganha mais 5%. No cartão de crédito dá para parcelar em até 12x sem juros. 

*Esse passeio fez parte da Press Trip durante a Vindima 2019, para a qual fomos convidados. 

VEJA MAIS ARTIGOS! O blog está cheio de informações do Rio Grande do Sul! 

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK?

SEGUE NO INSTAGRAM @MONICAMORAS @EDUVIERO

VEJA MAIS