5 Motivos para Revisitar Lugares

Translate here!

Texto: MONICA MORAS     Fotos: EDUARDO VIERO

Quando tempo e dinheiro são curtos, ter motivos para revisitar algum lugar pode ser fora de cogitação, ainda mais quando você já sabe que é muito turístico. Mas se a gente já repete a praia ou a serra no feriado, porque não dar uma segunda chance para aquele destino de férias?

Veneza 

Veneza 

Nós somos colecionadores ávidos de carimbos no passaporte, mas também viajamos devagar, aproveitando o lugar, entendendo como as coisas funcionam e tentando ter uma vida mais local. Por isso somos completamente a favor de voltar para cidades e países, porque figurinhas repetidas têm o seu valor.

Separei aqui cinco motivos para revisitar lugares:

1. AS CIDADES MUDAM

Já perdi as contas de quantas vezes cheguei em Bangkok e vi coisas diferentes nos últimos 3 anos. Parece que a essência é a mesma, mas tudo evolui muito rápido, prédios surgem da noite para o dia, cafés abrem, fecham ou se renovam numa velocidade assustadora, os turistas vão e vem, mas a paz nos templos e a tranquilidade das pessoas permanece a mesma. É interessante presenciar a mudança e saber que tudo está em constante evolução, lembrando que é assim que a vida acontece.

2. VOCÊ MUDA, AS COMPANHIAS MUDAM E POR ISSO AS SUAS EXPERIÊNCIAS TAMBÉM

Cada ida a Buenos Aires é uma nova experiência. Da primeira vez que estive lá, vi uma cidade com vida noturna agitada, bem boêmia e animada. Eu estava rodeada de amigos da faculdade e por isso tudo parecia festa. Alguns anos depois vi algo mais cultural, mais arquitetura, mais livrarias, cafés interessantes, um lifestyle mais autêntico e parecido com o momento e com o que Eduardo e eu gostamos. A cidade mudou, é claro, mas eu mudei mais ainda. Revisitar uma cidade pode te fazer perceber o quanto você mudou as suas preferências, refinou seus gostos e melhorou a sua visão de vida. E quando a companhia muda, a perspectiva e até mesmo opiniões podem mudar.

Joguei minha moeda na Fontana de Trevi para voltar para Roma

Joguei minha moeda na Fontana de Trevi para voltar para Roma

3. É IMPOSSÍVEL VER TUDO NUMA ÚNICA VIAGEM

A primeira vez em Hong Kong foi longa, cheia de descobertas e novas experiências. Foram milhares de fotos e uma sensação de tempo bem aproveitado depois de 20 dias andando para cima e para baixo. Mas isso foi até voltar no ano seguinte e ver que faltou muita coisa para ser vista! Se morando no lugar já é difícil de conhecer tudo, imagina indo somente nas férias. Quantos lugares você tem a sensação de que poderia ter explorado um pouquinho mais? Viu só, já dá para começar um planejamento.

4. CADA ESTAÇÃO TEM UMA BELEZA

A Veneza do verão certamente não é a mesma Veneza do outono. Os turistas diminuem drasticamente, as cores mudam, o clima todo muda e dá para ter certeza do que porque é uma cidade tão amada e visitada. Muda também a nossa perspectiva, porque para quem ama o verão pode não ser tão interessante sentir o vento gelado e os amantes do frio podem ficar frustrados com os dias que chegam a ser sufocantes nas ruas estreitas lotadas de pessoas.  

Pizza na rua em Nápoles 

Pizza na rua em Nápoles 

5. PARA TER UMA EXPERIÊNCIA MAIS AUTÊNTICA

Se juntarmos todos os motivos anteriores chegamos no óbvio da experiência mais autêntica. A primeira vez é carregada de ansiedade, expectativas, uma lista sem fim de atrações para visitar e um tempo curto que precisa render e faz voltar para casa com a sensação de que precisa de férias das férias. As próximas vezes são mais tranquilas, com menos pressa, vendo mais detalhes que passaram desapercebidos. As descobertas ganham um novo valor, reviver experiências tem um sabor diferente e aquela sensação de familiaridade não tem preço que pague, apesar de toda a economia envolvida quando você já sabe algumas coisinhas do lugar. Nosso melhor exemplo é Shanghai. Da primeira vez parecia que sem alguém que falasse mandarim estivesse conosco o tempo todo, nada daria certo. Foi exaustivo! Na segunda vez estávamos tão confortáveis com o lugar que decidimos morar lá, mesmo sem falar mandarim.

Você já voltou para alguma cidade ou país? Como se sentiu? Conta pra gente como foi aqui nos comentários :)

 

JÁ CONHECE NOSSO FACEBOOK?

VEJA MAIS